Reuniao A Tarde 12jun24aO Tribunal de Contas do Estado da Bahia (TCE/BA) e o Grupo A Tarde firmaram, nesta quarta-feira (12.06), uma parceria que visa desenvolver seus projetos especiais com foco no tema educação. O objetivo comum entre os dois parceiros é a aproximação com a sociedade por meio de ações que tragam informação de qualidade aos cidadãos e, ao mesmo tempo, despertem a consciência de que o controle social pode ajudar o TCE/BA na fiscalização dos recursos públicos. A parceria foi firmada num momento em que tanto o TCE/BA quanto A Tarde comungam da mesma premissa de que a educação é um fator essencial para a formação de uma sociedade mais crítica, ciente dos seus direitos e deveres. A visita, ocorrida na sede do Grupo A Tarde, na Avenida Tancredo Neves, em Salvador, contou com a participação do presidente do Grupo, João de Mello Leitão; do diretor de Relações Institucionais, Luciano Neves; do presidente do Tribunal de Contas do Estado da Bahia, Marcus Presidio, e do diretor da Escola de Contas do TCE/BA, conselheiro Inaldo Araújo.

Durante a reunião, foram apresentados projetos e programas do Tribunal de Contas que podem render pautas cidadãs de grande importância para A Tarde, a exemplo do Educação é da Nossa Conta, Casa Aberta, além de outras ações de capacitação de servidores e gestores públicos. Por sua vez, o Grupo de Comunicação descreveu o projeto A Tarde Educação, cujo propósito é inserir o jornal nas escolas como hábito de leitura entre a comunidade estudantil. Outro grande projeto é o REC A Tarde, que traz vídeos hospedados no Youtube, e foi criado a partir da coluna A Tarde Memória. O propósito é levar aos leitores o valioso acervo do 5º maior jornal do país em circulação.

Reuniao A Tarde 12jun24bNo entendimento do conselheiro-presidente, Marcus Presidio, a parceria entre o TCE/BA e A Tarde na divulgação de conteúdos relacionados à educação consiste em um grande avanço para as duas partes, já que um veículo de comunicação de credibilidade é fundamental para disseminar informações fundadas na verdade e fidedignidade, o que traz melhores esclarecimentos para os consumidores de notícias. “Eu creio que a grande questão hoje dos veículos de comunicação é a credibilidade. E isso o A TARDE tem. Então vamos procurar um caminho para que a gente possa avançar e construir essa relação, amadurecer e dialogar, porque o propósito em comum nós já temos, que é a aproximação da comunidade por intermédio das ações de educação”, disse o presidente do TCE/BA.


PROPOSTAS DE CONTEÚDO E PUBLICAÇÃO

Em meio ao encontro, o diretor da Escola de Contas do TCE/BA, conselheiro Inaldo Araújo, deu ênfase à relação de parceria entre a Corte de Contas baiana e o Grupo A Tarde, lembrando dos produtos institucionais do Tribunal que já foram encartados no jornal impresso, a exemplo do mapa CAB em seu bolso, da revista em quadrinhos Você no Controle e, mais recentemente, do gibi Ruy – do Sonho à Realidade, lançado por ocasião do centenário de falecimento de Ruy Barbosa, em 1º de março de 2023. O vice-presidente de Auditoria do Instituto Rui Barbosa (IRB) citou ainda que parte da memória do TCE/BA foi contada por A Tarde em seus 112 anos.

“Acreditamos que essa sinergia que temos com o jornal A Tarde não é só pela idade. Ao longo desses 112 anos de existência do jornal, pelo menos em 110 existem vários documentos e registros que engrandecem a memória do Tribunal. Temos matérias de página inteira, encartes específicos que foram distribuídos para todos os assinantes contando um pouco da trajetória do TCE, como as revistas em quadrinhos Você no Controle e, mais recentemente, sobre Ruy Barbosa. Nós fizemos várias ações em conjunto. E queremos estreitar mais esses laços, principalmente com o tema educação”, disse Inaldo Araújo, propondo ainda à direção do periódico a criação de uma coluna específica para temas correlatos ao controle externo. 

O presidente do Grupo A Tarde, João Mello Leitão, entende que a educação é um elemento fundante para a perpetuação das instituições e dos veículos de comunicação, principalmente por ser um tema sensível e com grande pertencimento da sociedade. Ele explica que o acervo de 112 anos de A Tarde foi aberto ao público, e que esse gesto torna o conhecimento democrático e ao alcance de todos. “De fato, a área da educação mostrou um horizonte novo para a nossa reestruturação, porque, com o projeto A Tarde Educação, nós pegamos o acervo de 112 anos de um veículo de comunicação e colocamos à disposição da área de educação. Isso legitima você a permanecer, faz a sociedade olhar e enxergar um movimento certo. Educação é democrática, nos aproxima da sociedade e nos faz permanecer por mais 100 anos”.

Ao falar sobre o planejamento que vem sendo desenvolvido para a reestruturação do jornal A Tarde, o diretor de Relações Institucionais, Luciano Neves, explicou o objetivo de atuação junto à sociedade, o qual se assemelha com o propósito do TCE/BA de estar cada vez mais próximo da sociedade. “Nessa reestruturação do jornal, o que a gente busca é se aproximar da comunidade. A gente não se contenta somente em gerar um conteúdo de qualidade, de levar a informação, compartilhar notícias. Hoje a gente tem um grupo que tem um propósito muito claro, que é apoiar a educação do estado da Bahia”, salientou Luciano Neves.

Ao final da visita, num ato de cortesia, os participantes trocaram produtos de comunicação institucional.