Presidente Inaldo transmite mensagem de austeridade para servidores do TCE/BA

Como servidor da sociedade que sou, com toda honra e orgulho, há mais de 30 anos, tenho muito presente no meu dia a dia a importância da atividade que realizamos. Todos nós, que trabalhamos em órgãos ou instituições públicas, devemos fazê-lo não somente para o cumprimento de metas ou realizações de tarefas, mas, principalmente, para assegurar o bem-estar de toda a sociedade. Não é à toa que a definição mais corrente nos dicionários a respeito da palavra servidor é “aquele que serve a alguém ou a uma instituição”. Aprofundando-se a busca, é possível encontrar outras definições, como “quem cumpre com rigor e zelo o que tem a fazer”, ou “que ou quem serve, presta serviços”, ou ainda “que ou quem está disponível para ajudar”.

Sabemos todos da crise que o Brasil enfrenta, há alguns anos, e da qual, pelo que tudo indica, não deveremos sair no curto ou médio prazos. E como todos os cidadãos brasileiros, em maior ou menor grau, os servidores públicos estão sofrendo os efeitos dos problemas econômicos e financeiros que foram agravados sobremaneira pela crise política dos últimos anos, geradora de um impasse que ainda está paralisando o País em quase todas as suas instâncias de poder.

Mas, neste Dia do Servidor Público, quero lembrar a importância e a nobreza da nossa missão para conclamar todos aqueles que servem a alguém ou a alguma instituição, como é o nosso caso, colaboradores do Tribunal de Contas do Estado da Bahia, e aproveitemos a crise para crescermos e nos aperfeiçoarmos nas tarefas diárias. Setores que se ressentem de falta de pessoal, por exemplo, podem ter seus problemas enfrentados e superados a partir de um maior comprometimento e de mais criatividade.

Portanto, na crise, crie!

Sem exigir sacrifícios pessoais, mas intensificando nossa criatividade, temos todas as condições para fazer com que a nossa instituição continue a crescer e a se fortalecer. Apresentando novas propostas, que possam contribuir para o aumento da produtividade, ou simplificando o cumprimento das tarefas, será possível fazer com que o trabalho se torne mais eficiente, sem que haja sobrecargas ou aumento dos níveis de estresse.

Com um comportamento proativo, tendo em mente que a função do servidor é bem servir, e com a preocupação maior com os resultados a serem atingidos do que com a carga horária, seremos capazes de superar, com dignidade e muito êxito, todos os desafios que o presente e o futuro estão a nos apresentar. Afinal, se cada um fizer um pouco mais, todos farão um pouco menos.

Conselheiro Inaldo da Paixão Santos Araújo
Presidente do Tribunal de Contas do Estado da Bahia (TCE/BA)

 

 

 

 

 

Caravana da Ouvidoria atinge 50 mil ouvintes em Itapetinga e região

Os microfones da Rádio Fascinação AM 1080 foram abertos, nesta quarta-feira (26.10), para o ouvidor do Tribunal de Contas do Estado da Bahia (TCE/BA), Paulo Figueiredo, falar dos temas Controle Social, Participação Popular na Gestão Pública e Fiscalização dos Recursos Públicos. A Caravana da Ouvidoria chegou a Itapetinga, cumprindo mais um roteiro do projeto que visa, segundo um dos objetivos do Plano Estratégico 2014-2017, promover a aproximação entre o TCE/BA e a sociedade.

A equipe foi recebida pelo radialista Maurício Gomes, responsável pela condução do Programa “Na Boca do Povo”, que atinge mais de 50 mil ouvintes. Durante a entrevista, o apresentador informou que o projeto vem sendo desenvolvido ao longo deste ano e já visitou 57 emissoras em vários municípios de diversas regiões do Estado.

O apresentador fez várias perguntas sobre o funcionamento da Corte de Contas baiana. Dentre os assuntos abordados, houve destaque para os projetos do TCE/BA que visam à aproximação com os cidadãos, a exemplo do TCE em Campo e Ouvidoria vai à escola. Os ouvintes conheceram as competências da Corte de Contas e ficaram sabendo como podem acessar os canais de comunicação e como se dá o julgamento das contas públicas.

"A nossa principal mensagem é que você, cidadão, é o personagem principal da transformação social. A sua ação, através de denúncias de irregularidades na gestão pública, críticas e apresentação de dúvidas é fundamental para proteger a coisa pública e fazer com que os recursos estaduais se transformem em bons serviços, obras e políticas públicas eficientes", disse o ouvidor Paulo Figueiredo.

Para o radialista Maurício Gomes, é de suma importância o trabalho do TCE/BA em prol da conscientização do cidadão comum. “Vamos divulgar o Whatsapp, 0800 284 3115 e o site www. Tce.ba.gov.br, estimulando a participação cidadã. Vocês terão nossa rádio como uma parceira efetiva”, afirmou.

2016 10 Nota CaravanaOuvidoria Itapetinga 2

Servidores comemoram data com muita ginástica

Os servidores do Tribunal de Contas do Estado da Bahia (TCE/BA) tiveram uma manhã bastante movimentada, nesta quarta-feira (26.10), com a realização de uma série de exercícios laborais, orientados pela fisioterapeuta Patrícia Gisele Araújo, como parte das atividades destinadas a marcar a celebração do Dia Do Servidor, que transcorre nesta sexta-feira (28.10). O objetivo principal foi estimular os servidores à prática de exercícios, além de alertar sobre problemas decorrentes de postura incorreta, tanto no ambiente de trabalho como em suas residências.

A atividade, na sala de treinamento da Escola de Contas José Borba Pedreira Lapa (ECPL), proporcionou momentos de relaxamento, com os exercícios e sessões de massagem para alguns servidores, que foram sorteados entre os diversos grupos. Os servidores foram distribuídos em grupos de dez e, durante 20 minutos, ouviram os ensinamentos e orientações sobre importância da boa postura, além de fazerem alongamentos diversos em colchonetes, desenvolverem técnicas de relaxamento, exercícios com boias “espaguete” nas costas e exercícios lombares com o uso de bolinhas de borracha.

A fisioterapeuta Patricia Gisele Araújo salientou que é importante fazer pausas periódicas durante a atividade laboral e dedicar atenção ao corpo e à postura. “As pausas durante as atividades são muito importantes, principalmente no mundo de hoje, onde tudo está mais informatizado e a gente acaba mantendo uma postura estática por tempo demais, sobrecarregando as articulações. A postura estática, em pé ou sentado, durante muito tempo é danosa. Por isso é importante fazer pequenas pausas durante a jornada de trabalho, mesmo que seja para beber um copo d'água. Movimentar-se sempre é importante e necessário", ressaltou a profissional de fisioterapia.

Ao final de cada aula, os servidores participaram de um sorteio cujo prêmio foi uma massagem Quick massage, com manobras adaptadas das técnicas orientais Anmá e Shiatsu e que tem como foco proporcionar o relaxamento muscular em poucos minutos.

Cinco dicas para evitar problemas posturais no ambiente de trabalho:

Beber bastante água, pois ela lubrifica as articulações;

Fazer pequenas pausas no decorrer da jornada de trabalho;

Espreguiçar-se algumas vezes ao dia;

Ter uma boa qualidade de sono;

Observar se a sua postura está adequada para a atividade de trabalho.


Depoimentos:

“Nossa manhã foi maravilhosa. Esta prática de exercício laboral é algo novo pra mim. Depois de hoje vou praticar diariamente pois realmente me fez bem. Adorei!
Antonio Adelson Cerqueira Santos, chefe de serviço da Semap

“Amei praticar exercícios laborais. No final de tudo eu ainda fui sorteada com um excelente prêmio que é esta massagem. Estou muito feliz e satisfeita!
Tainá Ferreira Santana, ECPL

2016 10 Nota DiaServidor AtividadeLaboral 1

2016 10 Nota DiaServidor AtividadeLaboral 2

2016 10 Nota DiaServidor AtividadeLaboral 3

Estudantes de Itapetinga conhecem o TCE/BA e aprendem a identificar e formalizar denúnciasOs estudantes do 1º, 2º e 3º anos do Colégio Agroindustrial de Itapetinga lotaram o auditório da instituição, nesta quarta-feira (26.10), para assistir a uma palestra sobre a fiscalização dos gastos do recurso público e como a participação popular nesse processo pode contribuir na construção de uma sociedade melhor.  O ouvidor do TCE/BA, Paulo Figueiredo, explicou que a ação integra o projeto Ouvidoria vai à Escola, que tem como objetivo incentivar a comunidade estudantil a participar do cotidiano da escola pública, formando cidadãos conscientes, capazes de exercer o controle social.

Paulo Figueiredo ressaltou que todos devem contribuir com a fiscalização dos gastos do dinheiro público e que a participação cidadã é fundamental para inibir que o dinheiro dos impostos e taxas pagos pela população, que deve retornar como investimentos em obras e serviços, seja desviado.  “Tanto faz se é uma obra de uma praça pública, uma quadra poliesportiva na sua escola, o calçamento de uma rua ou a iluminação. Vocês serão os olhos do Tribunal de Contas. Portanto, é preciso acompanhar de perto a destinação desses aportes financeiros. Não se enganem. Esse dinheiro sai do bolso dos pais de vocês”.

Depois de exibir o vídeo “O TCE mais perto de você”, o ouvidor deu um exemplo prático de como acompanhar de perto o andamento de uma obra. Ele explicou que o primeiro passo é formar grupos e fotografar a evolução física dos serviços. Registrar a placa da obra, os funcionários trabalhando, e arquivar tudo no computador ou na memória do celular. Caso haja qualquer indício de irregularidade, o ouvidor orientou que os alunos acessem os canais de comunicação disponíveis da instituição, como WhatsApp (71) 99902-0166, telefone 0800 2843115 e o site www.tce.ba.gov.br.

aluno1aluno2Finalizando o trabalho, Paulo Figueiredo apresentou os produtos de comunicação do TCE/BA, como a “Versão Cidadã do Relatório e Parecer Prévio do TCE/BA sobre as Contas do Chefe do Poder Executivo da Bahia Relativas ao Exercício de 2014”, a cartilha “Heróis da Cidadania conhecem o TCE/BA” e a revista em quadrinhos “Você no Controle”.  As publicações foram doadas à biblioteca do colégio.

DEPOIMENTOS
“Já tinha conhecimento sobre o assunto, mas é sempre bom aprender mais. Esses esclarecimentos são de grande relevância para o exercício da cidadania. Espero que os estudantes procurem contribuir com o nosso país. É preciso que cada um tome pra si a responsabilidade. São impostos que nós pagamos e precisamos fiscalizar.
Girlene Muniz Guimarães  – professora de Língua Portuguesa

“Passei a entender a missão do Tribunal e vou contribuir com esse trabalho. Falta atitude dos cidadãos. Precisamos fazer a diferença. O povo é que tem que mudar o governo e não o inverso. Saio daqui atento e não irei mais me calar. Vou exercer o meu direito”.
Eric Barreto Santos – estudante do 1º ano B

“Nós precisamos acompanhar de perto nossos gestores. O TCE/BA nos fornece instrumentos para lutar e cobrar os nossos direitos. Infelizmente, muitas pessoas não sabem a quem recorrer e acabam se acomodando. Agora sei que posso contar com vocês”.
Emanuelle Alves da Nóbrega – estudante do 1º ano B

No Dia do Servidor, a plateia assistiu palestra motivacional do professor Pachecão, tendo como tema “Sucesso: a arte de realizar sonhos”

Uma palestra motivacional do professor Pachecão, tendo como tema “Sucesso: a arte de realizar sonhos”, foi um dos pontos altos das comemorações pela passagem do Dia do Servidor, organizadas em conjunto pelo Tribunal de Contas do Estado da Bahia (TCE/BA) e pelo Tribunal de Contas dos Municípios da Bahia (TCM/BA). Centenas de servidores das duas Cortes de Contas divertiram-se muito com o estilo histriônico que tornou famoso o mineiro, natural de Laranjal, José Inácio da Silva Pereira, precursor do estilo “aula show” no Brasil, que transmite conhecimentos e passa lições de vida da maior importância ao mesmo tempo em que conta piadas.

Depois de uma manhã dedicada à ginástica laboral, os servidores tiveram uma tarde repleta de atividades. O Coral Vozes do TCE/TCM abriu a comemoração do período vespertino apresentando as músicas “Menina do Pelô” e “Samba da minha terra”, de Dorival Caymmi.

Em curto pronunciamento, o presidente do TCE/BA, conselheiro Inaldo da Paixão Santos Araújo observou que, para ele, o Dia do Servidor é um dos mais aguardados do ano. E explicou: “Assumo para vocês que o ano passa e eu tenho dois momentos que considero mais marcantes nesta Casa. O primeiro é nosso encontro ecumênico do final do ano, um momento nosso, de confraternização, e o outro momento é o Dia do Servidor Público”. Representando o TCM, o chefe de Gabinete da Presidência, José Francisco Neto, também fez uma saudação aos participantes do evento, destacando a importância da celebração e da figura do servidor público.

Na sua palestra, o professor Pachecão, além de contar muitas histórias e relatos que ajudavam a contextualizar as lições que pretendeu passar ao público, discorreu sobre oito tipos de comportamento essenciais para se alcançar o sucesso, foco principal da “aula show” desta quarta-feira.

Os ensinamentos que classificou como básicos, ao lado de muita confiança na própria capacidade e dedicação, são: 1- Tenha foco; 2- Reveja seus conceitos; 3- Queira; 4 -Decida; 5- Não tenha medo; 6- Se relacione; 7- Saia da inércia; 8- Atitude.

 

MÚSICA, SORTEIO E LANCHES COMPLETARAM INTEGRAÇÃO

No Dia do Servidor também houve espaço para que colaboradores do TCE e do TCM se integrassem num animado happy hour e mostrassem seus talentos mu sicais em grande estilo. A banda Doutor Jackson animou a força de trabalho no saguão da Escola de Contas, onde foi montado um palco para os músicos. Composta pelo servidor Gustavo Farias (violão e guitarra), Guga Andrade (contrabaixo) e Lucas Rocha (carron e bateria), a banda tocou canções do pop-rock nacional e internacional, dando ênfase ao som de Bob Dylan.

Para o servidor Gustavo Farias, o TCE e o TCM mostram a preocupação com a ambiência organizacional ao promoverem uma apresentação na qual os servidores podem se reunir num clima de diversão, cultura e entretenimento. E destacou: “É uma chance para que as pessoas se integrem e conheçam servidores que estão ligados à música”. O grande encontro entre servidores do TCE e TCM contou também com estandes para a distribuição de lanches aos colaboradores. No saguão ainda foi instalada uma câmera fotográfica para registrar os momentos de integração entre os participantes do evento. E um sorteio, bastante festejado, distribuiu prêmios aos servidores dos Tribunais.

2016 10 Nota DiaDoServidor Pachecao 11

2016 10 Nota DiaDoServidor Pachecao 22

2016 10 Nota DiaDoServidor Terreo Servidores copy

2016 10 Nota DiaDoServidor Terreo Barraquinhas copy

2016 10 Nota DiaDoServidor Terreo Acaraje copy

2016 10 Nota DiaDoServidor Terreo Bolinhos copy

 

 

 

 

 

Página 638 de 799